Michel Laub

Mês: outubro, 2011

Links

(@michellaub)

– Os livros de Miguel Nicolelis e António Damásio, por Marcelo Leite: http://bit.ly/oS7hro

– Andrew Solomon sobre o filho de Gadaffi, Líbia, Afeganistão e EUA: http://migre.me/5Z7lm

– O início de Jonathan Franzen, David Foster Wallace e Jeffrey Eugenides: http://migre.me/5VhVm, via @ranchocarne

– Estradas: http://bit.ly/r1JunU, via @alexandrerodrig

– César Benjamin sobre Descartes: http://bit.ly/oYNa3X

– Mudanças em Higienópolis, SP, de um século para cá: http://bit.ly/nVFYNn

– Natureza em fúria (14 fotos): http://ti.me/qYimAI

– Bernardo Carvalho sobre Tintoretto, arte contemporânea e excesso: http://bit.ly/rbimBu

– Propaganda de comida, roupas e política durante o fascismo italiano: http://tinyurl.com/68odz42

– Fazendeiro que lutou sozinho contra o exército russo e matou 700: http://goo.gl/kQCZW, via @rlevino

– Tatuagens em detentos da África do Sul: http://bit.ly/pvZTKJ, via@thiagoney

Links

(@michellaub)

– Harold Bloom fala do novo livro e das próprias influências: http://migre.me/5XiWb, via @eduardonasi

– Retratos dos chefes, famílias e vítimas do crime organizado inglês: http://nyti.ms/nDeVnj + http://bit.ly/13HZcI

– Boxe debaixo d’água: http://bit.ly/psSNwn, via @ricardolombardi

– Sobre o futuro dos frilas: bit.ly/pQMKHC

– Fechamento diário da fronteira Índia/Paquistão: http://bit.ly/cjJ7xY, via @dantelongo

– Como a universidade anda tentando matar a literatura: http://on.wsj.com/o7W6L3, via @sergiotodoprosa

– Moscou nos anos 50/60: http://bit.ly/nfJ2n4

– Sobre doença mental, médicos e indústria farmacêutica: bit.ly/ptXLUj

– Como a memória visual interfere na percepção: http://bit.ly/o3sbsw, via @cabrapreta

– Entrevista com Paulo Leminski, 1982: http://bit.ly/aM0fTs, via @miguelsanchesnt

– Escritores e a dificuldade de achar um bar em Porto Alegre: http://bit.ly/o34sJ8

Fim de semana

Um livro – Meus prêmios, Thomas Bernhard (Companhia das Letras, 111 págs.).

Uma exposição – Nelson Leirner na Fiesp.

Um documentário – Rock Brasília, Vladimir Carvalho.

Um buffet japonês razoável e barato nos Jardins – Sushimasa.

Um disco – Lou Reed e Metallica (desculpem).

Egopress

1) Diário da queda ganhou o Prêmio Bravo/Bradesco de melhor romance. O livro também sairá na Espanha pela Randon House/Mondadori.

2) Um texto meu saiu na antologia O conto brasileiro contemporâneo, organizada por Carmen Villarino Pardo e Luiz Ruffato, que foi publicada (em português) na Galiza. Mais informações e lista completa dos autores: http://migre.me/60yzi

Música do dia

Sinopses animadoras de filmes da Mostra de São Paulo

Textos do Guia da Folha:

Blowfish (Taiwan, 2011) – A vida pacata de uma tímida ascensorista muda quando ela tem de arranjar um novo lar para seu peixinho de estimação.

A doença do sono (Alemanha/França/Holanda, 2011) – Pesquisador europeu viaja com a mulher para estudar a doença do sono na África. Depois de um tempo, ele não quer mais regressar com a mulher.

Elena (Rússia, 2011) – Vindos de diferentes casamentos e classes sociais, Elena e Vladimir formam um casal mais velho. Quando ele fica doente, ela precisa tomar uma decisão difícil.

Uma família a três (Alemanha, 2011) – Quando uma escritora morre em um acidente de carro, a vida de seu marido e dos dois filhos desaba.

Green (EUA, 2011) – Paranoia e inveja feminina são alguns dos sentimentos que envolvem essa história sobre um triângulo amoroso.

Malditos garotos (Suécia, 2011) – Drama conta as histórias paralelas de três famílias revelando o lado brutal do ser humano.

Margens (França, 2011) – Num dia em Paris, um homem, uma mulher e uma criança compartilham a mesma sensação de isolamento.

Ócio (Argentina, 2010) – A morte da mãe leva dois adolescentes a refletirem sobre suas vidas no apartamento do pai.

Onde a estrada encontra o sol (Cingapura/EUA, 2011) – Após ficar em coma por quatro anos em decorrência de um acidente de carro, um homem tenta se livrar de memórias traumáticas.

O ruído do gelo (França, 2010) – Comédia dramática em que um escritor alcoólatra é visitado pela encarnação do seu câncer, com quem trava discussões.

Fim de semana

Um disco The whole love, Wilco.

Um documentário em DVD – A ilha de Bergman, Marie Nyreröd.

Uma peça de teatro – Os amigos dos amigos, dir. Cássio Pires.

Um romance – Jerusalém, Gonçalo Tavares (Companhia das Letras, 232 págs.).

Uma exposição – Saul Steinberg na Pinacoteca.

%d blogueiros gostam disto: